LINKS RÁPIDOS

Dicas

Dia a Dia

Vídeos

Editorial - Quando operar?

 

REDES SOCIAIS

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • YouTube - Círculo Branco
  • White Twitter Icon
  • Branca Ícone SoundCloud

     CONSULTÓRIO

Rua Vergueiro,1.421, Sala 305 Torre Sul 

Paraíso São Paulo/SP

Cep. 04101-000


 

(11) 2936.8838 

(11) 5571.9933

Dr. Luiz Pimenta – Especialista em Cirurgia da Coluna Minimamente Invasiva

Visite também: IPC - Instituto de Patologia da Coluna - Cirurgia e Tratamento da Coluna

©Copyright © 2019. Dr. Luiz Pimenta                                                                                                                                                                                        Developed by ANBInfo

Por que as mulheres têm tanta dor nas costas?


Mudanças de hábitos diários podem ajudar com as dores na lombar

Quem nunca ouviu alguma mulher reclamar de dor nas costas devido ao excesso de peso na bolsa? Ou que ela não consegue mais andar sem sapato de salto alto em decorrência de dores nos pés? Qualquer tipo de dor na lombar é sempre um sinal de que algo está errado e merece atenção especial.

Dores nas costas podem ser causadas por simples hábitos errados como sedentarismo, obesidade e tabagismo. Pode ser também uma manifestação de doenças como depressão, fibromialgia, câncer, artrites, hérnia de disco, osteoartrose (bico de papagaio), cálculo renal, aneurisma de aorta, úlcera gástrica, entre outras.

Nas mulheres, em especial, além dos hábitos inadequados e de possíveis doenças, a endometriose e os fatores hormonais podem ser um agravante. Além disso, quem tem seios volumosos deve ter muito cuidado, pois o peso faz a coluna se curvar para frente. Nestes casos, deve-se avaliar o caso para verificar se há necessidade de sutiã apropriado ou até cirurgia para redução das mamas.

As grávidas também sofrem com este desconforto devido ao aumento da lordose, pela obesidade e a liberação do hormônio relaxina perto do parto (que deixa a coluna mais relaxada).

Com todas estas possibilidades descartadas, outro vilão das mulheres são os costumes inadequados, como as bolsas pesadas. Carregá-las em um único ombro faz a coluna ficar sobrecarrega, desequilibra a musculatura, facilita as contraturas e o desgaste das estruturas, podendo causar o aparecimento de hérnias de disco.

Por que há mais dor nas costas em mulheres?

Muitas vezes, o estresse emocional contribui para a dor cervical. Além disso, alterações hormonais causadas pelo ciclo menstrual também trazem impacto para dores nas costas de natureza muscular.

Mas, em geral, especificidades genéticas e da vida da mulher contribuem para o problema.

Elencamos, a seguir, outros pontos que interferem.

Gravidez

Dores na coluna são frequentes em cerca de 50% das gestantes. A gravidez acarreta várias mudanças na estrutura do corpo da mulher, já que o crescimento do bebê transforma o centro de gravidade do corpo, que passa a ser projetado para frente.

Com essa mudança, há a tendência das mulheres compensarem o peso da barriga curvando-se para trás, o que pode levar à formação da lordose.

Osteoporose

Com ossos mais finos, mulheres têm maior propensão à osteoporose do que os homens. É uma questão genética. A doença pode desencadear microfissuras nos ossos da coluna, gerando dores.

Outras doenças, como artrite e fibromialgia (problema reumatológico que leva a dores muito fortes por todo o corpo) também são mais frequentes nas mulheres, devido a fatores genéticos e têm ligação com dores nas costas.

Seios volumosos

Sim, muita gente sente e sabe que seios volumosos (inclusive devido à colocação de próteses de silicone) podem pesar o corpo para frente, inclusive levando a deformidades na coluna. Em casos extremos, cirurgias de redução de mama são indicadas.

Salto alto

Sapatos com saltos grandes causam instabilidade no corpo. Quanto mais alto o salto, maior a projeção do quadril para trás. No médio prazo, a longa exposição pode provocar dores na lombar. No longo prazo, até a formação de hérnias de disco podem ocorrer.

Como combater esses problemas?

Melhorar a postura

Manter a postura correta durante o dia já é um ótimo começo. Como?

Assentando-se utilizando os encostos das cadeiras; usando mochilas com as alças bem ajustadas e com peso adequado; dirigindo com o banco ajustado ao seu tamanho e altura (os braços devem ficar curvados, nunca retos em relação ao volante), por exemplo.

Praticar exercícios físicos

Fazer atividade física para alongamento da coluna e fortalecimento da musculatura da região é fundamental. E o melhor, você pode fazer em casa!

Os clássicos abdominais, por exemplo, além de deixar a barriga sequinha, contribuem para a musculatura da região lombar.

Três a quatro séries de 20 repetições por dia podem ser um bom começo. Outro exercício muito eficaz é a ponte, na qual você fica suspenso com os antebraços e as pontas dos pés apoiados no chão. Quatro séries de 30 segundos por dia já ajudam bastante.

Quer investir mais nos exercícios? Pilates, natação e ioga são ótimas opções para relaxar e fortalecer a musculatura.

Adquirir colchões adequados

Ter colchões adequados é fundamental. Eles não devem ser muito macios. Se tiver condições, opte pelos ortopédicos, cuja densidade deve ser escolhida de acordo com o seu peso. Nesse caso, troque também os travesseiros.

E se o problema persistir?

Se as dores forem muito intensas ou persistirem mesmo após a melhoria da postura no dia a dia e da prática de exercícios, procure um médico. Ele indicará tratamentos mais eficazes, com o auxílio de fisioterapia, ou indicará medicamentos e procedimentos cirúrgicos necessários para resolver o problema da forma mais adequada.

Como vimos, vários fatores são responsáveis por causar dor nas costas em mulheres. Ao mesmo tempo, há várias atitudes que podem ser tomadas, a partir de pequenas mudanças no dia a dia, para ajudar a prevenir ou reduzir.


A mudança dos hábitos diários também é importante, uma vez que erros de postura crônica podem aumentar o desgaste das estruturas da coluna, provocando problemas mais sérios.

Deve-se evitar curvar a coluna para frente, como quando levantamos da cama, entramos no carro ou simplesmente escovamos os dentes.


Fonte: https://www.einstein.br/noticias/noticia/por-que-mulheres-tem-tanta-dor-nas-costas

blog.supersaudavelshopping.com.br/dor-nas-costas-em-mulheres




59 visualizações